Venda de Giuliano está próxima: R$ 23,3 milhões aos cofres do Grêmio

FOTO: LUCAS UEBEL / GRÊMIO

FOTO: LUCAS UEBEL / GRÊMIO

O Zenit, da Rússia, precisa apenas aceitar a contraproposta do Grêmio para que o meia Giuliano deixe a Arena. Os números do negócio foram descobertos pelo Mundo Gre-Nal: 6,5 milhões de euros (R$ 23,3 milhões). A transação está na iminência de ocorrer. Há chance de Giuliano fazer sua última partida pelo Grêmio contra o São Paulo, domingo, pelo Brasileirão.

Giuliano é sonho antigo do clube do leste europeu. A primeira oferta feita bateu na casa dos 5,5 milhões de euros (R$ 19,8 milhões). A consulta foi apenas verbal aos dirigentes do Grêmio. A contraproposta feita agradou os russos. Em um primeiro momento, Giuliano teria apontado permanecer, negando qualquer possibilidade de deixar a Capital. Contudo, já há informações de que o meia já se despediu de alguns funcionários e colegas no CT Luiz Carvalho.

O contrato de Giuliano com o Grêmio se estende até 31 de julho de 2018. O atleta de 26 anos chegou ao Grêmio em 2014 em uma parceria do empresário e rizicultor Celso Rigo. O time gaúcho sonhava em contratar o meia desde 2012, quando chegou a enviar um representante para negociar com o Dnipro mas não teve sucesso. Rigo bancou os 5 milhões de euros da transação.

Comentários

Comentários