Um mês sem vencer e “bom” visitante: como chega a Ponte Preta para pegar o Inter

Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Foto: Ricardo Duarte/Internacional

por Filipe Abílio, especial

Na 11ª colocação do Campeonato Brasileiro, com 45 pontos, a Ponte Preta está praticamente salva da Série B do ano que vem e tem raras chances de conseguir uma vaga na Libertadores via G-6. Com isso, o adversário do Internacional na partida decisiva do Colorado contra o rebaixamento chega a Porto Alegre com poucas aspirações na competição e, praticamente, com o pensamento em 2017.

Além disso, o time de Campinas não vive um bom momento no Nacional. A Macaca completa um mês sem nenhuma vitória nesta quarta-feira e conta com três derrotas consecutivas para São Paulo, Sport e Santos. No período foram cinco gols sofridos e apenas um marcado. O último triunfo da equipe de Eduardo Baptista foi nos 3 a 0 sobre o Santa Cruz, no dia 16 de outubro, em Campinas.

Longe do Moisés Lucarelli, o jejum da Ponte Preta é ainda maior e os números são alentadores para o torcedor colorado. O time está há dez jogos sem vencer, com oito derrotas e dois empates. Nas 17 rodadas como visitante até o momento, a Macaca tem campanha digna de Z-4. São apenas duas vitórias e um total de 19,6% de aproveitamento.

Comentários

Comentários