STJD aprecia efeito suspensivo do Grêmio e final da Copa do Brasil será na Arena

Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

A ação rápida do jurídico gremista surtiu efeito com agilidade. Menos de um dia depois, a decisão do STJD que punia o Grêmio com a perda do mando de campo na final da Copa do Brasil na Arena foi anulada. A decisão havia sido aplicada pela invasão de Carol Portaluppi no gramado ao final do jogo das semifinais da competição entre Grêmio e Cruzeiro

O auditor do STJD, Otávio Noronha, aceitou o recurso do clube gaúcho nesta tarde de quinta-feira e concedeu efeito suspensivo liberando a partida final da competição para a Arena, no dia 30.

O Mundo Gre-Nal falou com o advogado gremista Nestor Hein na última quarta-feira, que apontou quanto a desqualificação que seria usada no recurso, como uma decisão “surreal” e “sem fundamento”.

Agora com a decisão confirmada na Arena, o Grêmio poderá comercializar os ingressos para a final com tranquilidade e isso deverá começar ainda nesta semana.

Comentários

Comentários