Ramiro: “um velho” conhecido de Portaluppi no Grêmio

FOTO: PEDRO ESPINOSA / MUNDO GRE-NAL

FOTO: PEDRO ESPINOSA / MUNDO GRE-NAL

Renato já conhecia o volante Ramiro desde sua segunda passagem pelo Grêmio em 2013 e foi sua aposta na partida da última quarta-feira. Era o jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil na Arena e o Grêmio venceu o Palmeiras pelo placar de 2×1. É uma vantagem que o tricolor leva para São Paulo no dia 19 de outubro quando encara novamente o Verdão para a derradeira decisão.

A vantagem começou a ser desenhada pelos pés de Ramiro, um “velho conhecido” de Portaluppi e da torcida gremistas. O gol: Uma jogada coletiva começada por Luan, que passou por Douglas que escorou pelo lado da áerea para Ramiro que de “sem pulo ” aos 34 minutos jogados da primeira etapa abriu o placar na Arena com um lindo gol.

Após o jogo o volante, que atuou de “ponta”, avaliou da seguinte forma o trabalho de Renato dentro do grupo gremista: “O Renato cobra muito a postura nossa de saber o quanto vale vestir a camisa do Grêmio e o peso que ela tem”. Assim resumiu o atleta sobre a forma de como o novo treinador gremista deseja que o time encare o atual momento.

Por certo que Ramiro tem a confiança do comandante gremista e se torna no plantel uma espécie de “coringa”, afinal, por vezes atua de volante, por vezes de lateral-direito, bem como também por vezes de “ponta” ou “extrema” no lado de campo.

Portaluppi destacou que tem vários esquemas e planos para o plantel gremista: “A parte mais importante é que eu tenho três esquemas e que sei na necessidade eu posso utilizá-los. Não adianta ter somente o plano A. Tenho que ter o plano B e C. Dentro dessa análise, por certo, Ramiro faz parte disso.

Comentários

Comentários