Portaluppi será procurado pela oposição ou situação do Grêmio

Foto: divulgação Grêmio

Foto: divulgação Grêmio

Quem assumir a presidência do Grêmio irá procurar Portaluppi para renovar o contrato já mirando a temporada de 2017. Passando a eleição do próximo dia 12 de novembro, essa será a meta de quem assumir o Grêmio para os próximos três anos. Renato chegou ao tricolor com a missão de estabilizar o time, que vinha caindo de produção.

Com o pedido de demissão do ex-treinador Roger Machado, o presidente gremista Romildo Bolzan foi convencido pelo Conselho de Administração a contratar o ídolo tricolor para a casamata. O contrato de Renato foi estipulado em 3 meses, ou seja, até o final do ano. Romildo Bolzan já declarou que quem trabalha certo, se qualifica: “Quem vai bem, quem se qualifica, quem dá certo, permanece. Essa é a regra do futebol. O Renato faz um trabalho exemplar. E aqui faço mais um avanço. Há uma profunda sintonia do comando técnico com a direção de futebol. E isso é muito importante para que tudo dê certo. E quando isso fica ajustado, as coisas acontecem”, disse o mandatário tricolor que disputa a reeleição no próximo sábado.

A oposição por sua vez também irá contatar Renato. Na apresentação da nominata da Chapa 2 na última segunda-feira, o vice de futebol da oposição, Fábio Koff Júnior, prometeu conversar com Renato Portaluppi caso sua chapa seja eleita.

Essa é a terceira passagem do ídolo tricolor como treinador do Grêmio. Os números de Renato impressionam, com um aproveitamento de 55,5%: Foram 12 jogos, 5 vitórias, 5 empates e apenas 2 derrotas.

Comentários

Comentários