Os nomes que podem assumir o vestiário do Inter após a demissão de Pellegrini

FOTO: ANDERSON KBLO/INTERNACIONAL

FOTO: ANDERSON KBLO/INTERNACIONAL

A saída de Carlos Pellegrini da vice-presidência de futebol, embora não confirmada publicamente pelo presidente Vitorio Piffero, já era um ato determinado pela atual gestão do Inter. Nomes já circulavam pelos corredores do Beira-Rio como novos nomes fortes no futebol há cerca de um mês.

Ao final do Gauchão, por exemplo, uma série de conversas de bastidores definiam pela continuidade ou não de Pellegrini como comandante do vestiário. A eleição do final de ano ganhava cada vez mais força e era necessário que um fato novo para que a situação engrenasse e diminuísse a pressão por estar, em pesquisas, atrás dos principais concorrentes, como Marcelo Medeiros e João Patrício Herrmann.

Vitorio Piffero assumirá a pasta até o ambiente – interno e externo – melhorar. Isso deve durar, no máximo, 15 dias. A vice-presidência de futebol tende a ser “extinta”. Não haveria uma pessoa exclusiva com o cargo. Piffero entraria no vestiário ao lado de Pedro Affatato, que deve permanecer como supervisor de futebol. Marcos Marino, por ser a cota política dentro do departamento de futebol e Piffero não pode se indispor com a ala do Convergência Colorada que ainda apoia a gestão, seguiria como diretor. Nomes como de Luiz Antônio Lopes e de Cuca Lima ganham força para estarem ao lado de Affatato. O retorno de Newton Drummond, o Chumbinho, ex-executivo das principais conquistas da década passada colorada, não está descartado.

Disse uma pessoa com trânsito no vestiário do Inter:

Poderíamos colocar qualquer treinador no vestiário. Me parece que os atletas não corriam mais por Pellegrini. O Inter tem de resolver seus problemas internos o mais rápido possível.

Um zagueiro e um meia armador estão sendo analisados e discutidos. Para a partida contra o Cruzeiro, Alan Costa deve retornar à zaga na vaga de Paulão, suspenso. Ernando seria seu companheiro, com Rak improvisado na lateral ou até mesmo Paulo Cézar poderia entrar no time. Paulo Roberto Falcão terá de ser hábil.

Comentários

Comentários