O número 9 é prioridade na pauta do Grêmio para 2017

FOTO:LUCAS UEBEL / GRÊMIO

FOTO:LUCAS UEBEL / GRÊMIO

Um centroavante é a meta do tricolor para disputar a Libertadores 2017

O vice de futebol Adalberto Preis, em coletiva após a conquista do penta, apontou que um “fazedor de gol” é desejo para o plantel gremista:

“O Grêmio precisa reforçar os “fazedores de gol”. São os do último toque, mas não só do último toque. Aqueles que fazem gols e que propiciam que se ganhem jogos. Precisamos reforçar goleadores.” A verdade é que o centroavante Henrique Almeida não se confirmou nem se afirmou no Grêmio. Por vezes nem opção de banco ele é.

Para a Libertadores 2017, realmente, um número 9 deve ser a meta, mesmo tendo um grupo de qualidade como ressaltou Preis:

“Nós temos um grupo de qualidade, dos jogadores que se sagraram campeões da Copa do Brasil. Isso ficou evidenciado no jogo contra o Santos, contra o Figueirense e o América-MG. Mas, para enfrentar uma Libertadores, os reforços são necessários. Os que nos deram esse título são todos jogadores úteis, que serão utilizados.”

Comentários

Comentários