Mais um capítulo para a compra da Arena

FOTO: PEDRO ESPINOSA / MUNDO GRE-NAL

FOTO: PEDRO ESPINOSA / MUNDO GRE-NAL

A compra da Arena por parte do Grêmio terá mais um porém: O julgamento dos recursos de recuperação da OAS serão julgados em setembro, dia 19. Caso haja a negativa de algum destes agravos, o Grêmio poderá ficar mais próximo da compra da Arena. Ao todo são 19 recursos que serão apreciados. Recursos estes referentes a recuperação judicial da OAS, pelo Tribunal de Justiça de SP. Se todos estes recursos de credores da OAS não forem apreciados pelo TJ/SP, o principal entrave para a aquisição da gestão da Arena estrá superado, sendo assim, o Grêmio liberado para a concretização de compra da Arena. Se os recursos terminarem, finalmente a “novela Arena x Grêmio” poderá ser finalizado.

Para viabilizar todo o trâmite, existe uma negociação entre o Grêmio, OAS e a Caixa/Karagounis. No mês de maio, houve uma liberação de R$ 113 milhões para a compra à vista da dívida do financiamento do BNDES, em comunhão com os bancos: Santander, Bradesco, Banco do Brasil e Banrisul. Dívida esta, avaliada em torno dos R$ 170 milhões. Obviamente que tudo envolve “trocas”: Neste caso, o estádio Olímpico estaria livre para ser usado ou até mesmo implodido, dando espaço para uma ampla área de construção de imóveis. O Presidente do Grêmio, Romildo Bolzan, já declarou diversas vezes que este assunto “em algum momento terá fim”.

 

 

Comentários

Comentários