Departamento médico do Grêmio terá Bolaños por mais tempo e há risco de nova cirurgia

FOTO: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

FOTO: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

De fato Miller Bolaños ainda irá demorar para acontecer no Grêmio e se acontecer. O alto investimento de R$ 19 milhões de reais que o tricolor fez para a vinda do equatoriano até agora em nada houve algum retorno dentro de campo.

Bolaños sofre com as seguidas lesões e com a adaptação em Porto Alegre. Essa é uma realidade preocupante para o Grêmio. Uma nova cirurgia (seria a terceira) não está descartada pelos médicos do Grêmio, mas desta vez no púbis: Miller sofre com uma pubalgia e ainda está sob cuidados médicos.

O caso de Bolaños será tratado por enquanto sem a intervenção cirúrgica, o que pode ter algum alento. Mas, como o púbis é uma região que causa extremo desconforto quando há lesão, a intervenção de fato não está descartada. O tempo de recuperação em caso de cirurgia depende de cada atleta e de como ele reagiria ao pós-operatório.

O equatoriano tem apenas 19 partidas no time tricolor e tendo marcado apenas quatro gols.

Comentários

Comentários