Como o Inter recuperou o atacante Vitinho para a decisão contra a Ponte Preta

Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Treinos em separado, incluindo em dias de folga, fisioterapia, musculação, corridas leves, simulação de jogo e, por fim, o treino desta terça-feira (15) para confirmar a presença na decisão diante da Ponte Preta, daqui dois dias, no Beira-Rio. Vitinho trabalhou muito nestes 15 dias em que ficou alijado do grupo principal por conta de uma contratura nos músculos posteriores das duas pernas.

VÍDEO: o treino decisivo de Vitinho para estar em campo contra a Ponte Preta

A melhor notícia para os colorados está na ausência de queixas quanto à dor ou desconfortos depois da atividade de segunda-feira no CT do Parque Gigante. A expectativa era que as simulações de jogo, corridas, chutes, cruzamentos… pudessem apresentar a real condição de Vitinho para estar em campo na rodada de número 34. Em nenhum momento o atacante demonstrou dor na coxa.

Nos bastidores, impressinou, ainda, a maturidade e o foco do jovem de 23 anos para lidar com a situação. Ontem, por exemplo, de tempo em tempo, Vitinho conversava com o coordenador de preparação física Élio Carravetta para descrever sua condição em meio ao treinamento.

Vitinho não atuou na partida diante do Atlético-MG, quando o time de Celso Roth foi desclassificado com o empate em 2 a 2 pela Copa do Brasil, e contra o Palmeiras – derrota por 1 a 0  no Brasileirão. O artilheiro do Inter no Brasileirão, com oito gols, tende a estar em campo diante do time paulista.

No treino fechado para a imprensa no Beira-Rio, não se foi possível confirmar a escalação do camisa 11, mas tudo indica que Vitinho será a referência – e esperança – do torcedor que promete lotar a casa colorada a partir das 21h desta quinta (17). Se não puder atuar, Aylon é o substituto natural.

O Inter ocupa a 17º posição na tabela de classificação do Brasileirão, com 38 pontos. Seu adversário mais próximo, o Vitória (16º), tem 39. A escalação de Celso Roth para enfrentar o time de Eduardo Baptista deve ser Danilo Fernandes; William, Paulão, Ernando e Geferson; Anselmo, Dourado, Anderson, Sasha e Valdivia; Vitinho (Aylon).

Comentários

Comentários