Celso Roth faz crítica a pedidos por Seijas no Inter: “Jogou quinta e vocês podem avaliar”

Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Uma forte crítica a Luiz Seijas chamou atenção na coletiva de Celso Roth após a derrota para o Atlético-MG no Independência neste domingo (25). Como não entrou em campo em Belo Horizonte, os repórteres questionaram a utilização de jogadores como Anderson e Brenner – escanteados há pouco menos de uma semana no grupo do Inter – em detrimento ao venezuelano. Roth rebateu com uma frase bastante polêmica:

Seijas não jogou hoje, mas tem sido utilizado. Jogou quinta (diante do Fortaleza, pela Copa do Brasil). E vocês podem fazer a avaliação do desempenho dele. Independente do Seijas ou outros jogadores, agora temos pouco treino e muitos jogos.

O treinador declarou, ainda, que o Inter teve uma “atuação digna” na capital mineira. Descreveu virtudes na equipe e completou que o caminho está sendo bem trilhado – apesar das derrotas. Roth tem, em 10 jogos ao seu comando, apenas uma vitória com o Inter no Brasileirão. São 26% de aproveitamento e uma sequência de quatro partidas sem pontuar no Campeonato Nacional – cinco se for contado revés para o Fortaleza, pela Copa do Brasil.

A pressão pelo meu trabalho vem desde o dia em que eu assumi. Estamos trabalhando para o bem do clube. Os resultados não estão vindo, mas a situação anímica não persiste por muito tempo. As críticas são do tamanho do clube. A crítica não vem com o trabalho, vem com os resultados. E são eles que não estão vindo. É assim no Brasil.

O Inter retorna a Porto Alegre, treina à tarde nesta segunda e pela manhã na terça. Questionado sobre a postura do grupo na Copa do Brasil, diante do Santos, quarta-feira (28), Roth despistou a respeito da escalação ou se colocaria à margem a disputa da competição paralela ao Brasileirão.

Como nós vamos abrir mão da Copa do Brasil, em um clube com a história do Inter. A situação anímica está boa, obviamente estamos muito triste com a derrota de hoje. Temos que insistir e insistir no time, para melhorar e vir a vitória. Espero que logo porque o sofrimento está grande.

Comentários

Comentários