Romildo Bolzan Jr. é reeleito presidente do Grêmio: “A torcida entendeu o discurso”

FOTO: LUCAS UEBEL / GRÊMIO

FOTO: LUCAS UEBEL / GRÊMIO

A eleição deste sábado (12) para presidente do Grêmio foi de certa forma uma confirmação: A reeleição do atual Presidente do Grêmio,  Romildo Bolzan Jr. Ele será o mandatário do clube nos próximos três anos.

O pleito contou com o voto online e de expressivos números: 4.501 votos. Ocorreram votos de 24 países e como curiosidade, nos EUA tiveram 34 votantes. Os gremistas do país também fizeram parte desta eleição e torcedores gremistas espalhados pelo Brasil se fizeram presentes com 329 municípios participando do pleito via internet.

O anúncio foi feito pela voz do presidente do CD gremista, Carlos Biedermann, que revelou os números: A Chapa 1 contabilizou 5.605 votos, representando 85, 3% da aleição. A Chapa 2 fez 963 votos o que representou 14, 7%. O total de votos chegou na marca dos 6.602 votos, com 6 votos em branco e 28 nulos.

Após o resultado, o presidente reeleito falou em entrevista coletiva:

Sobre o triênio:

“Não vejo dificuldade de entender o processo que estamos fazendo no clube. Fizemos um balanço recentemente sobre as dívidas, e o Grêmio precisa melhorar sua receita, o Grêmio ainda não consegue vencer as despesas de mês por causa da receita. O processo de futebol tem que ser mantido, com atletas jovens e tentar manter os jovens. Temos que criar uma condição de equilíbrio e vamos procurar ser mais competitivo.”

O que será diferente na próxima gestão:

“O Grêmio tem um processo de continuidade claro de futebol. O que acontece agora é isso. E isso será assim ano que vem. Em 2017 o Grêmio tem a perspectiva de melhorar muito em questão de investimento. O time do ano que vem será muito mais bem avaliado e será mais aperfeiçoado.”

Com relação a permanência de Portaluppi:

“Temos um comissão técnica permanente. O Renato é o líder técnico disso. Temos um coordenador de futebol já estipulado. O que temos hoje é uma qualificação do trabalho do Roger através do que o Renato trouxe com seu conhecimento. Iremos tratar disso.”

Sobre a porcentagem na votação:

“Houve uma alta capacidade de entender o clube. A torcida entendeu o discurso e foi assimilado. Não é apenas o futebol, o que está sendo avaliado aqui é que a torcida entende o momento do clube e o que precisa fazer para melhorar. E por isso esse resultado de 85%”.

Romildo pontuou ainda que as transações de atletas, leia-se vendas, tem que ser bom para o clube e para o atleta: “Se for um negócio excepcional a gente dá andamento, mas se não, a gente vai tentar ficar o maior tempo possível com este ou outro atleta”

O presidente eleito agradeceu aos seus aliados, a sua chapa e prometeu um cumprimento de três anos de rotina com várias cabeças pensantes.

Comentários

Comentários